terça-feira, 28 de maio de 2013

Lembrancinha do Dia das Mães

Estas foram as lembrancinhas que eu fiz para a minha turminha presentear as mães este ano.
Enchemos os potinhos com sequilhinhos da Panco. Uma dica......1 pacote de sequilhinhos da Panco dá para encher 10 potinhos de maionese de 250g.
Cada turminha fez a sua.....todas ficaram lindas......depois eu posto a das outras turminhas e já fica de ideia para o próximo ano!!
 
 
 
 
 
 
 As mães adoraram!!!!
Bjão!!!

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Cardeninho de religião

Minha amiga me pediu que decorasse um caderno com tema de religião.
Então fiz com cores claras e coloquei uma criança rezando.
Ela adorou!!!
Eu também!!!

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Casamentos

Galera..............muitos casamentos na minha agenda!!!!!!
Casamento da minha irmãno dia 04/05 e da minha mãe no dia 11/05...........familia toda reunida......galera do Sul.........uma bagunça gostosa!!!
Olha só como as festas foram lindas!!!
Casamento da Fabi




  Casamento da Mãe

 
 

Um super beijo!!!




terça-feira, 14 de maio de 2013

Preconceito racial

           O termo afro-brasileiro designa-se a brasileiros descendentes de africanos negros. A influência cultural afro-brasileira é abrangente e se manifesta em diversas formas. Na música e na dança, as expressões de música  afro-brasileira mais conhecidas são: samba, maracatu, ijexá, coco, jongo, carimbó, lambada e maxixe. Na religião, destaca-se: Candomblé, Xangô do Nordeste, Xambá e Umbanda. Na culinária, temos a feijoada que é considerado o prato nacional do Brasil, além de acarajé, vatapá e moqueca. No esporte, a capoeira também ganha papel nacional de destaque por ter sido criada por escravos negros no Brasil durante o período colonial.
       Porém, essa raça é rica por sua diversidade cultural, sofre muitas vezes com o preconceito social enraizado. Termos pejorativos como "moreno, pretinho, preto de alma branca", entre outros, são repetidos de forma inadequadas, muitas vezes, em tom de brincadeira, mas que devem ser evitados.
            Os pais devem tomar medidas simples para fazer com que a criança possa criar uma forma de pensar sobre a afro-descendência:
  • Verificar quais são os contextos históricos que a criança aprende na escola e se estes ensinamentos preveem uma visão ampla sobre diferentes culturas (incluindo cultura africana, nossas raízes e a formação do povo brasileiro);
  • Conversar sobre as diferentes formas de beleza e não só o padrão magro, branco e loiro.
            A criança deve aprender a ver beleza em diferentes raças.
         Em algumas situações, a criança negra pode ser rejeitada. É importante que todas as crianças entendam que esse comportamento é errado e deve ser sempre evitado, sendo crime qualquer forma de discriminação racial.
fonte: Ciranda da Diversidade

Livro: O amor tem todas as cores

"O amor tem todas as cores conta a história de dona Branca e seu Negreiro que mesmo sendo diferentes encontram semelhanças que os aproximam e que os levam a pensar: "Para quem ama, as diferenças são importantes?"
Este livro faz parte da coleção Ciranda da Diversidade.

quinta-feira, 9 de maio de 2013